Loading...
Concentração de poluentes na atmosfera paulistana - Ciência SP

Concentração de poluentes na atmosfera paulistana

Ciência SP Agência FAPESP

Ano:2024

A qualidade do ar na maior metrópole brasileira não atende, em algumas épocas do ano, aos padrões estabelecidos pela Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), e menos ainda às recomendações da OMS. Um estudo coordenado pela pesquisadora Regina Maura de Miranda e realizado na Escola de Artes, Ciências e Humanidades da USP (EACH-USP), com apoio da FAPESP, analisou indicadores de poluição do ar na Região Metropolitana de São Paulo entre os invernos de 2019 e 2020, quando a movimentação na capital estava reduzida em razão do isolamento social. A pesquisa caracterizou material particulado fino, o chamado MP2,5, e listou dados de composição química obtidos na superfície. Leia mais na Agência FAPESP. Para mais detalhes, veja o artigo científico ou dados do processo FAPESP 18/25226-5.

Clique para visualizar