Loading...
Episódio

Autópsias em mortos por COVID-19 podem contribuir para o tratamento de casos graves

Especial COVID-19 Agência FAPESP

Ano:2020 | E8

Em entrevistas concedidas à Agência FAPESP, os pesquisadores Marisa Dolhnikoff e Paulo Saldiva, da Faculdade de Medicina da USP, explicam como autópsias estão revelando a agressividade da COVID-19 e contribuindo para o tratamento de casos graves da doença. Amostras de tecidos pulmonares e de outros órgãos são coletadas por meio de técnicas minimamente invasivas e com o consentimento das famílias. O objetivo do trabalho, parte de um projeto apoiado pela FAPESP, é disponibilizar informações à comunidade médica que possam ser úteis no combate à pandemia causada pelo novo Coronavírus. #COVID-19 #AgenciaFAPESP

Clique para visualizar