Loading...
Análise de imagens auxilia na avaliação de sementes

Análise de imagens auxilia na avaliação de sementes

Ciência SP Agência FAPESP

Ano:2022

Com apoio da FAPESP, o Laboratório de Análise de Imagens do Departamento de Produção Vegetal da Esalq-USP tornou-se pioneiro na utilização de técnicas não destrutivas para avaliação da qualidade de sementes e plântulas. O sistema Vigor-S, por exemplo, foi desenvolvido em parceria com a Embrapa e baseia-se na avaliação computadorizada do comprimento de plântulas, proporcionando rapidez e objetividade nas avaliações. Já a análise radiográfica é utilizada para identificar alterações na morfologia interna de sementes, como malformações, deterioração de tecidos e injúrias ocasionadas por agentes mecânicos e organismos vivos, como os insetos. Os pesquisadores da Esalq também estabeleceram parcerias com outras instituições. Na Unicamp, estão sendo desenvolvidas pesquisas com imagens hiperespectrais para avaliar o efeito do estresse hídrico em plantas de soja. Já no Instituto de Física da USP de São Carlos, foi utilizada a análise de imagem por ressonância magnética.

Clique para visualizar